Sábado, 27 de Novembro de 2021 17:41
Política Polêmica

Secretário de Cultura é exonerado após denúncia sobre fogos de artifício em Itajubá

Marcelo Nogueira de Sá foi denunciado por contratar fogos de artifício que não foram utilizados durante festas de fim de ano

10/11/2021 22h13
1.279
Por: Redação
Prefeitura exonera secretário Marcelo Nogueira de Sá por denúncias de fogos de artifício (Foto: Divulgação)
Prefeitura exonera secretário Marcelo Nogueira de Sá por denúncias de fogos de artifício (Foto: Divulgação)

O secretário de Cultura da prefeitura de Itajubá, Marcelo Nogueira de Sá, foi exonerado nesta quarta-feira (3) de seu cargo. Ele foi denunciado por vereadores ao Ministério Público após gastar R$ 94,6 mil com serviços de fogos de artifício que não foram utilizados. O caso aconteceu em dezembro do ano passado. Em seu lugar, assume Israel Gustavo Guimarães dos Santos, de forma interina.

A Secretaria Municipal de Cultura pagou, no dia 11 de dezembro de 2020, uma empresa para prestar serviços de shows pirotécnicos com fogos de artifício nas festividades de fim de ano que não aconteceram por conta da pandemia de covid-19. Diante da polêmica, os vereadores Pedro Gama (PV) e Andressa Daiany, do Mandato Coletivo Nossa Voz (PT), denunciaram o secretário. 

O vereador Pedro Gama (PV) afirmou que o gasto aconteceu mesmo sem a realização de eventos festivos. “Além do pagamento ter sido feito antes das datas de Natal e Ano novo, sabemos que não tivemos festividades em 2020 por conta da pandemia”, conta.

Os vereadores afirmaram que essa não é a primeira denúncia que fazem com relação à suposta má gestão de recursos públicos pela secretaria de cultura, e afirmam que vão seguir apurando e cobrando providências dos órgãos competentes. O ex-secretário era alvo de queixas de membros do setor cultural que não se sentiam representados pelo responsável da pasta.

Para Pedro Gama, a exoneração não é a única medida que a prefeitura deve tomar. “Não queremos apenas a exoneração do secretário. Queremos que o dinheiro gasto indevidamente seja devolvido e que a cultura passe a ser efetivamente valorizada. Chega de gastos desnecessários com fogos de artifício”, afirma. 

Já a vereadora Andressa Daiany, afirmou que espera que o novo secretário ouça as demandas do setor cultural. “Que nossas denúncias sejam investigadas, e se comprovadas, que os responsáveis sejam punidos. Que a pasta seja assumida por quem possa, efetivamente, dialogar com o setor”, disse. 

Durante a polêmica sobre o que teria sido feito com o dinheiro para a aquisição do serviço, o líder do prefeito na Câmara Municipal, vereador Rodrigo Melo (Republicanos), afirmou que os fogos foram comprados e estavam armazenados no Teatro Municipal. O Corpo de Bombeiros foi chamado e identificou que a informação não era verdadeira. Até agora, a prefeitura não informou onde o dinheiro foi empenhado.  

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Itajubá - MG
Atualizado às 17h30 - Fonte: Climatempo
20°
Poucas nuvens

Mín. 17° Máx. 27°

20° Sensação
19 km/h Vento
43.7% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (28/11)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 16° Máx. 30°

Sol com algumas nuvens
Segunda (29/11)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 17° Máx. 30°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Mais lidas
Ele1 - Criar site de notícias