Sexta, 25 de Junho de 2021 03:05
Política Itajubá

Prefeitura abre processo contra ex-secretário preso por corrupção

Servidor é suspeito de cobrar propina para anular multas

13/05/2021 11h27 Atualizada há 1 mês
631
Por: Redação
Prefeitura de Itajubá abre processo contra ex-secretário de Defesa Social (Foto: Diário de Itajubá)
Prefeitura de Itajubá abre processo contra ex-secretário de Defesa Social (Foto: Diário de Itajubá)

A prefeitura de Itajubá abriu, nesta quarta-feira (12), um processo administrativo contra o ex-secretário de Defesa Social preso por suspeita de corrupção. Wilson Everton Ferreira de Farias é considerado suspeito de participar de um esquema em que multas de trânsito seriam canceladas em troca de pagamento de propina. 

A acusação contra o ex-secretário  da gestão do ex-prefeito Rodrigo Riera (MDB) é fruto da operação Sentido Obrigatório, deflagrada pela Polícia Civil em abril, e que cumpriu 16 mandados de busca e apreensão e cinco de prisão temporária nas cidades de Itajubá, Maria da Fé e Belo Horizonte.

Desde o início do ano, Farias ocupa um cargo como diretor de gestão na prefeitura de Itajubá. Com a investigação, ele pode ser exonerado do cargo.

A operação da Polícia Civil realizada em abril também investiga crimes de corrupção ativa e passiva para a compra da Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Segundo a Polícia Civil, entre os presos estão dois proprietários de autoescolas, um de Itajubá e outro de Belo Horizonte, e um instrutor de autoescola. 

Alguns dos responsáveis pela venda de habilitações na cidade foram integrantes da Junta Administrativa de Recursos de Infrações de Itajubá (JARI). Eles negociariam a baixa de multas mediante pagamento de dinheiro. Na investigação, foi identificado o envolvimento de outras duas pessoas, sendo, uma delas, o ex-secretário de Defesa Social de Itajubá.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias